Conecte-se conosco

Educação

Professor adapta combi e leva internet grátis para crianças pobres.


A atitude de um professor de educação física mudou a vida de muitos alunos que não tinha acesso a internet.


Publicado

em

Professor leva internet grátis para alunos pobres que não tinham acesso a internet.

A pandemia de Covid-19 fez com que milhões de estudantes em todo o mundo continuassem seus estudos virtualmente à distância, mas isso também mostrou a pobreza e a desigualdade que existem no planeta, já que boa parte não tem computador ou tablet, smartphone ou serviço de internet, o que os coloca em desvantagem por não poderem acompanhar as aulas ou enviar trabalhos de casa.

Felizmente, dentro da crise também existem heróis que se esforçam para ajudar os outros.

 


Em Comitán, Chiapas, México, um professor de educação física chamado Fray Antonio Alfaro entrou em contato com seu amigo Roberto Aguilar, que o ajudou a etiquetar sua combi, onde pode ler que oferece internet gratuita para alunos.

David Mondragón, que também é seu amigo desde o ensino médio e agora é especialista em serviços de informática em áreas rurais, ajudou-o a implantar uma rede de satélite com antena, que permite levar o serviço a áreas onde vivem os alunos de baixos recursos.

 

A mãe desse professor tem uma lojinha onde muitas crianças começaram a chegar para alugar a internet por um momento para que pudessem enviar os deveres de casa.

Percebendo isso, Fray organizou seus vizinhos para compartilhar seu sinal com os alunos e colocar  mesas e cadeiras fora de suas casas, mas isso não foi suficiente porque cada vez mais crianças e jovens continuavam chegando, mesmo de outros bairros.

Claro, eu sabia que em outras áreas também existem centenas de alunos sem possibilidade de conexão.

 

Fray tinha uma combi antiga, então ocorreu a ele que seria uma boa idéia adaptá-la para levar o WiFi para as áreas onde é mais necessário.

Procurou patrocinadores e seu amigo David Mondragón adaptou um computador e uma antena com sinal de satélite, que transformou o veículo em um enorme modem capaz de replicar o sinal em uma área de cem metros ao redor, com a qual podem se conectar até 80 alunos por três horas para acompanhar suas aulas e enviar a lição de casa.

 

Comitán é um dos municípios mais pobres de Chiapas, que por sua vez é um dos estados com maiores níveis de pobreza no México, portanto a ação desse homem é inestimável e, claro, todos o conhecem e batizaram este veículo com o nome de “Combiteca”, e nele chega aos  bairros da periferia, onde há mais alunos de baixa renda, e dá-lhes o serviço independentemente do nível de escolaridade que estudem.

https://www.youtube.com/watch?v=tq86GfiDwbM


Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ Acessadas da Semana